quinta-feira, 14 de junho de 2007

Dormir é muuuuuuuito bom....



Sofro de insônia desde os meus 7 anos de idade. Aos 17, pensava ter resolvido ao ler o famoso livro "Como Evitar Preocupações e começar a Viver", do primeiro grande autor de livros de auto-ajuda, Dale Carnegie. Realmente, as técnicas dele de auto-sugestão e relaxamento me levaram ao sono durante alguns anos.

Mas acabou. Meu corpo criou resistência a esse método.

Minhas férias estão a chegar. Não dou cinco dias para que meu corpo resolva - por si só - trocar a noite e a madrugada pela manhã ou mesmo pela tarde.

Alguns chamam isso de relógio biológico. Não sei do que se trata, só sei que já tentei de todo jeito sentar-me ao computador à tarde no intuito de trabalhar um bocado em casa... quando simplesmente despenco de sono. Tenho que desligar o T1 às pressas a fim de correr para os lençóis murmurantes (sim, eles insidiosamente murmuram convidativa e irresistivelmente meu nome cada vez que passo pelo quarto às tardes...).

Resultado: trabalho noite e madrugada adentro acordada como uma coruja e quando chega de manhã.... a vontade de jogar o despertador no outro lado do quarto é devastadora.


Cometi desatinos: dormir às quatro para acordar às cinco e meia. Ou: virar a noite toda acordada e ir trabalhar na manhã seguinte. Interessante - a maioria das vezes dá certo, não sinto sono pela manhã. O mal é se no dia tenho que cumprir horário na manhã... e na tarde também. Aí, neguinho, é caixão preto, vela de 7 dias e uma coroa de flores. Tiau!

Bem, com tudo isso... amanhã terei que acordar às sete horas da manhã, o relógio já marca 1 hora da manhã e eu me encontro em plena efervescência criativa. As questões a serem elaboradas parecem pulular em minha mente subitamente desperta de vez.

Mas, deixem-me ir, por favor! Controle. Eu controlo a minha vida. Eu sou dona da situação. (se eu disser isso muitas vezes, poderei acabar acreditando, né? Auto sugestão pode fazer milagres).

Sem falar que estou atrasando quase o meu andamento do serviço. Organização. Programação. Agenda! - palavrinhas fáceis e que podem facilitar no cotidiano. Mas incluí-las no cardápio do dia não parece ser a minha linha particular. Meu horário se faz por si só.

Mas agora eu vou. Juro. Não vou contar mais nenhuma de insônia. Nem de sonambulismo.

Falando em sonambulismo.... que coisa estranha é essa que ataca a gente quando menos esperamos?

Tá, tá, tá... entendi. Para a pŕoxima. claro. Tens razão. OK!

Fui!

6 comentários:

Punk disse...

Tetê...para parecer igual ao meu cotidiano, só falta um livro do Bukowski ao lado da cama para atrapalha o sono e perpetua a vontade de ler suas história madrugada a dentro.
Lisboa!

Tetê Macambira / Papel de Arte disse...

punk,

uau!!! isso é q é elogio! Adorei ter recebido a tua visita.

Seja sempre bem-vindo

bj no coração!

Debbie Alves disse...

Sei como é isso, amiguinha... Mas VAI DORMIR, PÔ!!!KKKK! Saudades... Espero q as suas férias cheguem pra gente poder se ver... Bjo!

Tetê Macambira / Papel de Arte disse...

DebiiiiiiiiiiiiEEEEEEEEEEEEEEEEEE!!!!!!!


SAudade, saudadona, saudade demaissssssssssss!!! Sim, sim, sim! vamos nos ver, omer chocolates, trocar internetidades e outras realidades não menos assépticas, mas necessárias.

férias, q te quero férias!!

Rodrigo disse...

Oi, achei teu blog pelo google tá bem interessante gostei desse post. Quando der dá uma passada pelo meu blog, é sobre camisetas personalizadas, mostra passo a passo como criar uma camiseta personalizada bem maneira. Até mais.

Tetê Macambira / Papel de Arte disse...

ok, rodrigo, vou conferir. Valendo pelo elogio,